IMG_1612

Quando o brigadeiro foi inventado ele era enrolado em açúcar, com o tempo surgiu o granulado, dando um toque todo especial ao brigadeiro.

Mas você sabe como é feito o granulado convencional?

O chocolate granulado convencional é feito com cacau, gordura vegetal hidrogenada e açúcar. Para os granulados coloridos, basta retirar o cacau e acrescentar corante. E para os granulados firmes, de diferentes formatos, como estrelinhas, confetes, bolinhas, etc a gordura vegetal é retirada e a mistura recebe apenas água e açúcar.

Então dá para fazer em casa esse tipo de granulado? Sim, dá, tanto com a gordura vegetal quando a mistura com água.  Mas não vai ficar tão brilhante quanto o granulado industrializado, já que o mesmo passa por um processo de polimento em drageadeiras.

Granulado caseiro

Quando o brigadeiro ganhou notoriedade o granulado foi substituído, dando ao brigadeiro uma maior qualidade e sabor distinto. Os granulados utilizados passaram a ser de origem belga, da marca Callebaut, que diferentemente dos granulados nacionais possuem chocolate em sua formulação e ausência de gordura vegetal.

Conhecido como Vermicelli, esses granulados são produzidos com 100% de chocolate de origem belga e são apresentados em embalagens de 1Kg nos sabores: (1) chocolate amargo, (2) , (3) chocolate branco e (4) chocolate ao leite.

IMG_16292

Vermicelli e blossoms de chocolate belga são ótimas opções para confeitar os brigadeiros

Além dos vermicellis que se assemelham ao formato do granulado tradicional surgiram os blossoms (5), feitos com chocolate em formato de espiral e apresentados em sabores diferenciais como morango e caramelo, complementando os sabores dos brigadeiros e criando combinações diversas.

IMG_16322

Um confeito já conhecido por muitos e que também ganhou qualidade ao ser produzido com chocolate belga foram os flocos de arroz cobertos com chocolate, ou as Crispearls™ apresentadas em sabores diferentes também, como caramelo (novidade de 2015 da Callebaut) e morango.

IMG_16412

Entretanto os confeitos mais amados das doceiras e brigaderias do país são os splits, esses confeitos de chocolate em formato de quadradinhos em dois tamanhos: small e large. O Split de chocolate amargo small (6) e o split de chocolate amargo large (7) tem sabor forte e presente, e o split de chocolate ao leite small (8) e large (9) possui notas suaves de caramelo e desmancha na boca! São confeitos que conferem além de muita qualidade ao brigadeiro, sabor equilibrado e aquela textura que desmancha na boca e faz qualquer desavisado fechar os olhos! Também apresentado no sabor café em tamanho small.

IMG_16502

Splits de chocolate belga

Além dos confeitos feitos de chocolate, a Callebaut apresenta os nibs de cacau (10), que são as amêndoas secas e quebradas do cacau. É uma boa opção para diferenciar o brigadeiro, já que possui sabor bem amargo e devem ser usadas para paladares mais adultos.

Claro que além dos confeitos de chocolate belga o mercado oferece opções bem coloridas como os granulados em formatos diversos (11) que dificilmente desmancham na boca, de açúcar colorido (12), em pequenas pérolas de açúcar (13) – que já não incomodam tanto na boca – e os confetes (14) em diversas cores e tamanhos.

Esses confeitos são duros e, devem ser utilizados em detalhes no brigadeiro (eu gosto muito de usar o confeito de beijinho para decorar beijinhos de coco) ou em decorações sutis de bolos e doces. Para quem deseja fugir dos confeitos de chocolate ou de açúcar existem opções como as frutas secas picadas – como pistache, amêndoas, nozes, etc – coco ralado (sempre prefira o seco, pois o coco fresco ralado possui uma validade de horas e pode acabar estragando seu doce) e os açúcares – refinado, cristal ou de confeiteiro.

IMG_16422Independente do seu gosto e da sua escolha o importante de um confeiteiro, de uma doceira ou de qualquer pessoa que goste de fazer doces, é conhecer a vasta gamas de produtos que o mercado oferece e testa-los em suas receitas! O conhecimento pode ser levado ao cliente e ajuda-lo a optar sempre pelo melhor produto!