Estamos a um suspiro de um novo ano, e ao invés de retrospectivas das músicas mais tocadas em 2014, me propus um desafio curioso: fazer uma volta ao mundo nos moldes de Júlio Verne, contando um pouco de cada país e sua música, a medida que comemoramos a chegada de 2015!

Por isso a postos, nossa viagem começa agora!

Partimos pela Australia, um dos primeiros lugares do mundo a estourar o espumante! Da Sidney Opera House aos cangurus, a Austrália é a terra do saudoso grupo Midnight Oil. Com letras engajadas em política e ecologia, eles nos brindam com Forgotten Years, que nos lembra que não podemos nunca esquecer o passado com o risco de cometer os mesmos erros no futuro! Nosso primeiro momento para refletir o novo ano!

Enquanto os australianos já estão felizes e na segunda garrafa de espumante, chegamos no ano novo do Japão, o país da tecnologia, das tradições e da cantora pop Namie Amuro, tão idolatrada no Oriente quanto a Beyoncé no Ocidente! Divirta-se e dance com a exótica Hide & Seek.

O mundo continua girando e enquanto reiniciamos nossa contagem regressiva, nosso balão nos leva à India, onde o mercado cinematografico, segundo maior do mundo, resolve toda história com um bom musical, como no clipe de Chamma Chamma. Alguns mais cinéfilos vão reparar que ela inspirou a música “Hindi Sad Diamonds”, cantada pela belíssima Nicole Kidman no filme Moulin Rouge.

Com um pouco de pressa chegamos na Argélia, terra do deserto do Saara e do cantor Khaled e sua belíssima música El Arbi, que conta a história de um amor perdido. Essa é para os que desejam um amor (ou novo amor) em 2015!

Saindo do deserto do Saara, é hora de vestir um casaco, pois estamos chegando na fria Noruega, um dos melhores lugares do mundo para se morar segundo a ONU. País do petróleo e do bacalhau, é berço do grupo A-HA, que dispensa apresentações! Deleitem-se com Take On Me enquanto os fogos pipocam no céu, o mundo gira e a cerveja espuma no copo, estamos chegando no Reino Unido!

Com seus pubs animados, jogadores de futebol e monarquia, celebramos a terra da banda Irlandesa U2, e nada mais sugestivo do que passar o ano ao som de New Year´s Day.

Estourando nossa sexta garrafa de champagne, chegamos ao nosso Brasil. Aqui a querida (ou nem tão querida) seleção brasileira é idolatrada pelo mundo, o Cristo Redentor nos recebe de braços abertos e os fogos na Avenida Paulista já ganham o céu, enquanto os casais lotam as belas praias do Nordeste dançando forró! E é dessa animação que “Prefixo de Verão”, da Banda Mel, sauda a chegada da estação mais quente do ano cheia de alegria! O brinde por aqui é com uma boa pinguinha, esqueçam o champagne!

Mas a viagem não termina por aqui, estamos rumo à terra dos charutos, de Fidel Castro e dos carros antigos. Cuba pode causar polêmica, mas nos presenteou com o grupo Buena Vista Social Club! Feche os olhos e viaje ao som de Chan Chan; e tudo bem, não se envergonhe se uma lágrima escorrer ao final da música, sei o quanto essa época nos deixa emotivos!

Chegamos enfim a um dos últimos locais a comemorar o ano novo: o Hawai. Famoso pelas ondas de Pipeline (onde nosso surfista Medina foi coroado!) este estado americano nos brindou com uma das vozes mais belas do mundo: Israel “IZ” Kamakawiwo’ole. Sua versão de “Somewhere over the Rainbow” é única e nos tras uma energia muito positiva para começar o ano renovados!

Terminamos por aqui nossa viagem. Espero que tenha apreciado a vista e não esteja se sentido muito embriagado depois de nove brindes por um 2015 cheio de paz!

Desejo a todos um novo ano com muita saúde, muita música e especialmente, que seja um ano doce!