Pular para o conteúdo
Início » Receita de Bolinho de Chuva Low Carb

Receita de Bolinho de Chuva Low Carb

Compartilhe ; )

Você não precisa desistir dos seus pratos favoritos ao seguir uma dieta low carb. Para os apreciadores de bolinho de chuva que desejam opções mais saudáveis, aprenda a preparar a versão low carb a seguir.

Utilizando ingredientes específicos, você poderá desfrutar dessa delícia sem culpa, mantendo assim o foco nos seus objetivos. Confira o passo a passo da receita!

Quais os Benefícios de uma Dieta Low Carb?

Seguir uma dieta low carb pode trazer diversos benefícios para a saúde, como a perda de peso, a melhora nos níveis de açúcar no sangue, o aumento da saciedade e a redução de inflamações no corpo. Além disso incorporar receitas tradicionais adaptadas para essa dieta é uma excelente forma de manter o prazer de comer sem prejudicar a saúde.

Bolinho de Chuva Low Carb

Camila Loeper
Desfrute da clássica delícia dos bolinhos de chuva em uma versão low carb, perfeita para quem deseja manter a dieta sem abrir mão do sabor.
Tempo Total 45 minutes
Refeição Café da Manhã, cafe da tarde, Lanche, Sobremesa
Culinária Brasileira, Portuguesa
Serve 4 porções
Calorias 393.55 kcal

Equipamento

  • Liquidificador
  • recipiente

Ingredientes
  

  • 1 Ovo
  • 1 xícara chá de Xylitol
  • 4 colheres sopa de Óleo de Coco
  • 15 colheres sopa de Farinha de Amêndoa
  • 2 colheres café de Canela em pó
  • 4 colheres sopa de Leite de coco
  • 1 colher chá de Fermento em pó químico

Instruções
 

  • Bata no liquidificador o ovo, 1/2 xícara (chá) do adoçante e o óleo de coco durante 5 minutos, até ficar esbranquiçado.
  • Em um recipiente, misture a farinha de amêndoa e 1 colher (café) de canela.
  • Em seguida, incorpore o creme batido no liquidificador.
  • Acrescente o leite de coco e mexa até que a massa fique homogênea.
  • Por último, adicione o fermento e misture delicadamente.
  • Despeje a massa em forminhas de silicone e leve ao forno preaquecido a 180°C por cerca de 40 minutos.
  • Enquanto isso, misture o resto da canela e do adoçante em um prato e reserve.
  • Quando os bolinhos ficarem prontos, passe-os na cobertura.
Keyword bolinho de chuva low carb, receita de bolinho de chuva

Dicas e Variações da Rceita

  • Variedade de Farinhas: Você pode experimentar outras farinhas low carb, como farinha de linhaça ou farinha de castanha de caju, para diversificar a receita.
  • Aromatizantes: Além da essência de baunilha, você pode adicionar raspas de limão ou laranja para um toque cítrico.
  • Recheio: Se desejar, insira pequenos pedaços de chocolate 70% cacau no meio da massa antes de fritar, criando uma versão recheada dos bolinhos.

Curiosidades do Bolinho de Chuva

O bolinho de chuva é um doce amado por muitos e traz consigo uma série de curiosidades interessantes. Aqui estão alguns fatos sobre essa iguaria que atravessa gerações:

Origem Tradicional

Embora o bolinho de chuva seja muito popular no Brasil, sua origem é incerta. Algumas fontes sugerem que ele tenha sido trazido por imigrantes portugueses, adaptando-se assim ao gosto brasileiro ao longo do tempo.

Nome Curioso

O nome “bolinho de chuva” é bem descritivo: tradicionalmente, esses bolinhos eram feitos em dias chuvosos, quando as crianças ficavam em casa e as avós ou mães preparavam a guloseima para alegrar o dia.

Receita Simples

A receita original é extremamente simples, feita com ingredientes básicos que geralmente estão presentes em qualquer cozinha: farinha, ovos, açúcar, leite e fermento.

Versões ao Redor do Mundo

Embora o bolinho de chuva seja muito associado à cultura brasileira, muitos países têm suas próprias versões de frituras doces, como os donuts nos Estados Unidos, os beignets na França e as rosquinhas em Portugal.

Diversidade de Ingredientes

Com o passar do tempo, a receita tradicional de bolinho de chuva foi ganhando variações. Hoje em dia, é possível encontrar receitas com recheios de chocolate, frutas e até versões salgadas.

Bolinho de Chuva na Literatura

Os bolinhos de chuva ganharam destaque na literatura infantil brasileira, especialmente nos livros da autora Monteiro Lobato, em que a personagem Dona Benta prepara esses bolinhos para Narizinho e Pedrinho no Sítio do Picapau Amarelo.

Presença em Festas Juninas

O bolinho de chuva é uma presença constante nas festas juninas brasileiras, onde é apreciado por sua simplicidade e sabor.

Alternativas Saudáveis

Com o aumento da conscientização sobre alimentação saudável, surgiram várias versões do bolinho de chuva, como a low carb, sem glúten, vegana e assada, para atender a diferentes restrições alimentares e preferências.

Simplicidade Versátil

Você pode servir o bolinho de chuva de várias formas: polvilhado com açúcar e canela, acompanhado de caldas diversas ou até mesmo recheado.

Conclusão

O bolinho de chuva low carb é uma excelente opção para quem deseja desfrutar de um doce clássico sem sair da dieta. Fácil de fazer e incrivelmente saboroso, ele certamente vai conquistar seu paladar e de toda a família. Então experimente essa receita e aproveite momentos deliciosos e saudáveis.

Perguntas Frequentes

Posso substituir a farinha de amêndoas por outra farinha low carb?

Sim, você pode substituir a farinha de amêndoas por outras farinhas low carb, como farinha de linhaça, farinha de coco ou farinha de castanha de caju. No entanto, é importante ajustar a quantidade de líquidos da receita, pois diferentes farinhas possuem diferentes capacidades de absorção.

O bolinho de chuva low carb pode ser assado ao invés de frito?

Sim, é possível assar o bolinho de chuva low carb. Mas para isso, pré-aqueça o forno a 180°C, modele a massa em pequenas porções e coloque-as em uma assadeira forrada com papel manteiga. Asse por cerca de 15-20 minutos ou até que os bolinhos estejam dourados e cozidos por dentro. Essa versão será mais saudável e menos calórica.

Posso utilizar outro tipo de adoçante na receita?

Sim, você pode usar outros adoçantes que sejam adequados para dietas low carb, como stevia, sucralose ou monk fruit. É importante ajustar a quantidade de adoçante conforme as instruções do fabricante, pois o poder adoçante pode variar entre os diferentes tipos de adoçantes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recipe Rating